Atrativos Históricos e Culturais


Igrejas


Igreja Matriz

Localizada a rua Padre Anchieta, a Igreja faz parte do Eixo cultural da cidade. O início da obra se deu em 1940 e o término em 1947. Construída em estilo românico, por meio de mutirão, o material para construção veio de Porto União de trem; as imagens e o Altar vieram do Rio grande do Sul (Porto Alegre e Caxias) em 1952; e o mármore veio da Itália em 1953. Traz em sua estrutura e área de 1050 m2, vitrais com desenhos colocados em 1946, e com a pintura do plesbitério, consegue retratar a realidade do povo do meio agrícola e a sua fé. Oferece visitação todos os dias das 08:00 às 11:00 e das 14:00 às 17:00 e também nos horários de celebração das missas. Fone: 566-0270.

Museu


Centro Cultural e
Museu do Vinho
Mário De Pellegrin

Localizado no eixo cultural da cidade, a rua Padre Anchieta, 344. Tem a casa construída em 1931 de 120 m2, pelos padres Salvatorianos, conhecida como casa Canônica, adquirida pela Prefeitura em 1983, quando foi tombada e restaurada. É ladeada por praça e aos fundos possui um modesto parreiral (84 m2), que caracteriza as origens do município. A área total da oferta é de 1700 m2. Oferece oficinas de música, exposições temporárias de fotos e objetos, exposição permanente de vitivinicultura e pesquisa histórica - arquivo público do início de Videira. O museu do vinho "Mário De Pellegrin", conta a história da uva e do vinho, possuindo equipamentos usados pelos primeiros colonizadores, para a fabricação do vinho colonial. Sugere-se visitação na casa e à cantina museu do vinho, com degustação de vinhos e sucos. Atende somente por programação de segunda a sexta das 08:30 às 11:30 e das 13:30 às 17:30. Fone: 566-1722 r-209.

Acervos


Biblioteca Pública Municipal Euclides da Cunha

Localizada a rua Campos Novos, a biblioteca faz parte do eixo cultural da cidade. O início de suas atividades se deu em 1960 e em 1986 ganhou sede própria. Tem uma área construída de 600 m2 e oferece: livros didáticos e literatura, além de jornais e revistas. Atende de segunda a sexta das 08:00 às 11:30 e das 13:30 às 17:45. Fone: 566-0709.

Música


Banda Municipal Sol - La - Si

Criada em 1983. Conta com escolinha de música e prática em banda, possuindo CGC próprio e estatuto, mantida pela Prefeitura Municipal de Videira. Os alunos recebem bolsa de estudo quando ingressam na banda como membros efetivos e tem como mestre titular Izaltino Onofre de Souza que é auxiliado por três maestros adjuntos.


Orquestra de Câmara de Videira

Criada em 1996, é composta por alunos avançados das oficinas do Centro cultural de violino e violoncelo. Tem como maestro o também professor Jeferson Santos Della Rocca;


Orquestra Infanto-juvenil Suzuki

Criada em 1995, é composta por alunos do Centro cultural, no desenvolvimento de práticas de grupo, utilizando o método Suzuki para aprendizado


Orquestra Doce

Criada em 1997, é composta por alunos de flauta doce de diversas idades, que participam da oficina no Centro cultural. Tem como professor o Maestro Fábio Bolzan


Grupo Municipal de Músicos

Criado em 1995, é composto por músicos da comunidade videirense


Coral municipal Vozes de Videira

Criado em 1995, com 50 participantes. Faz apresentações para muitas cidades do Sul do Brasil, e já recebeu vários prêmios nos concursos em que participou


Coral Infanto-Juvenil Do-Re-Mi

Criado em 1995, composto por crianças e jovens com idade de até 16 anos


Canto Italiano

Criado em 1997, conta com 18 membros, onde procuram resgatar a cultura italiana


Canto Alemão

Criado em 1997, conta com 16 membros, onde procuram resgatar a cultura alemã.Fazem parceria com a ACROVI - Associação Cultural Videira Rondinha. Tendo Arno Degenhardt como maestro que forma um coral de belas vozes


Literatura

Na literatura destacam-se o livro "Videira nos Caminhos de Sua História" - levantamento histórico do município desde o período indígena até a data de sua emancipação político/administrativa em 1944, pesquisa realizada pela autora Alzira Scapin em dez anos de trabalho; e o livro de poesias "Risos de Lágrimas, de Ano Delmar.

"No Caminho da Vida" de Artemio Zanon; e "História de Cordel" de Donaldo Schuler.


Folclore


Réplica do antigo Coreto

Era o ponto de encontro dos videirenses da época, e hoje espaço para demonstração da cultura e realização de eventos.


Grupos de danças folclóricas

Destaca-se a Associação ACROVI, Associação Vêneta e o grupo de dança Luz-Cor-Ação, que conta com 11 coreógrafos, trabalho realizado pelo Centro cultural, onde vão as escolas (5 no total), procurando trabalhar a dança de forma recreativa.

Teatro

Destaca-se o grupo amador - artistas de Baco, com direção do Pe. Milton Zonta apresenta suas peças no Salão Nobre do Colégio Imaculada e já apresentou três peças:
    Médico à Força - 1996
    Feijão com Caruncho - 1997
    Un Bel Mazzolino di Fior - 1998

       Copyright© 1998 FORMATTO NET. Todos os direitos reservados.